SOBRE

_O8A4412A PB.jpg

Tudo começou quando Calu ainda era pequena, com um caderno repleto de desenhos e inspirações. Na faculdade de arquitetura, croquis e maquetes de projetos foram perdendo espaço para mandalas, flores e santos. Presentes informais para os amigos foram se transformando, pouco a pouco, em peças que começaram a ser vendidas em seu primeiro ateliê, em São Paulo. 

Numa colorida jornada, que já dura 25 anos, a arte de Calu - paulistana no RG e baiana de família, corpo e alma - já não habita apenas azulejos e peças cerâmicas. Seu estilo transbordou formatos e materiais e hoje invade diversos ambientes das casas, criando sensações únicas para quem os contempla.

“No trabalho de Calu Fontes, o todo não é a simples soma das partes. Sua mente intuitiva vasculha resíduos de memórias em busca de fragmentos de beleza, cores, formas, símbolos, desenhos, palavras – e os sobrepõe sem economia, criando conexões inconscientes que juntas passam a determinar novas escolhas”, Baba Vacaro, designer.